July 19, 2016

Como criar uma oferta no AdsBridge?

AdsBridge nunca para. Estamos trabalhando mesmo durante as férias. Pare por um momento e desfrute deste guia passo a passo: “Como criar uma oferta em AdsBridge?”

Vamos lá!

1

A imagem acima mostra a interface para se configurar uma oferta no AdsBridge.

  1. O primeiro campo que você vê nas configurações de oferta é a seleção de 2 opções: “Criar nova oferta – Create Offer” ou “Selecionar uma oferta de uma conta atribuída – “Select assigned account’s offer”. Nosso rastreador pode puxar todos os dados de sua oferta através da API da nossa rede de afiliados integrados ClickDealer. Esta funcionalidade está disponível para usuários com Professional, Business, Enterprise e planos de subscrição exclusiva.

A fim de usá-lo, ao criar a rede de afiliados ClickDealer em nossa interface, digite os detalhes da conta ClickDealer no pop-up que irá aparecer depois que você pressionar este botão “ASSIGN”. É necessário cadastrar isto antes na aba “Rede de Afiliados ou Affiliate Networks”.

2

  1. Seleção Vertical (nicho de mercado) e agrupamento ofertas: Estas características são feitas conforme sua conveniência. A vertical selecionada permite escolher ofertas pela vertical na seção “Gerenciar oferta”, e o “Agrupamento” permite que você veja as estatísticas por grupos de ofertas e não apenas por cada oferta separadamente.
  2. Nome da Oferta. Você pode nomeá-la como quiser (o nome não deve ser inferior a 3 caracteres, a lista consiste de az, AZ, 0-9, -, _, *, /, &, [,] , (,),!, №,%,?, @, #, <,>, +, vírgula, ponto final).
  3. Insira uma URL clara da sua oferta neste campo. Normalmente, esta URL é gerada por sua rede de afiliados.
  4. Esta lista inclui parâmetros que você pode adicionar à sua URL da oferta para passar as informações para a sua rede de afiliados.

Por favor, note que a adição dos parâmetros <parameter1><parameter2><parameter3> não é correto, e definir a URL postback desta forma não vai funcionar. É necessário digitar o nome do parâmetro na URL, esta informação é fornecida por sua fonte de tráfego (atente ao fato que cada fonte de tráfego possui seu padrão). Obtenha antes estes dados; só então, adicione parâmetros (macros). Por exemplo, podem ser informados como parâmetro 1 = < parameter1> e parâmetro 2 = < parameter2> (no entanto, o formato de links podem variar, algumas redes de afiliados podem fornecer links que passam parâmetros através /,: e outros caracteres).

  1. Escolha o tipo – CPA (Custo por Ação) ou CPS (Custo por Venda).

Ofertas do tipo CPS diferem de CPA, a sua conversão é a venda de alguma coisa, e no CPA, pode ser a instalação de um aplicativo, registro ou outra ação específica que represente a conversão.

No nosso tracker, a diferença é que, oferta CPA só pode haver uma conversão por um código de clique que significa que um usuário faz apenas uma conversão. O CPS oferece ao usuário a opção de poder fazer várias conversões de um mesmo código de clique (ou seja, registro, instalação e depois compra), mas isso só acontece, quando existe um “parâmetro txid” definido no postback (neste caso, a conversão é uma conexão única de parâmetros tid-txid, que são passados ao tracker através do postback).

  1. Se você anteriormente definir a rede de afiliados em nosso tracker, você pode escolhê-la na lista drop-down.
  2. A caixa de seleção marcada no campo “Token de Campanha (Campaign token)”, significa que cada vez que os usuários clicarem na URL da oferta, o token de campanha será adicionado a este URL.
  3. O token de Rastreamento (Tracking token), é um parâmetro muito importante para a fixação do acompanhamento de conversões. Se você configurá-lo anteriormente na seção de rede de afiliados e escolher a rede de afiliados correspondente, ela será exibida automaticamente neste campo.

O token de rastreamento é um parâmetro utilizado pelo nosso rastreador para a passagem de um ID de clique (click ID) único. Este campo indica o nome do parâmetro de sua rede de afiliados em que pode aceitar o código de clique único do nosso tracker, e mais tarde, ele é adicionado à URL da oferta. Por exemplo, se a sua rede de afiliados é criado na plataforma Cake, você pode usar S2, S3, S4, S5 para o token de controle. No caso de sua rede de afiliados é criado na plataforma HasOffers, você pode usar aff_sub2, aff_sub3, aff_sub4, aff_sub5. Há um grande número de redes de afiliados criadas em plataformas personalizadas, você precisa perguntar ao seu gerente de afiliados que parâmetros são utilizados por eles.

  1. Configurar o pagamento por conversão e a moeda em que esse pagamento será feito. O valor de pagamento indicado neste campo será estático (o que significa que será usado neste caso o valor dinâmico de um pagamento, não será devolvido para a rede de afiliados em postback ou rede de afiliados que não tenha esta função), ao contrário da dinâmica, esta sim é passada no postback. A passagem da soma de pagamentos por meio de postback significa: uma passagem de informações em linha reta, da rede de afiliados para cada uma das conversão feitas. Se a soma do pagamento dinâmico difere de um estático, o pagamento dinâmico que veio com o postback será usado para calcular a receita das conversões. A soma de pagamentos de ambos (estático e dinâmico) será gravado na moeda selecionada ao criar a oferta.
  1. Daily cap – se existir um limite para o número de possíveis conversões por dia para a sua oferta, você pode usar esta função, a fim de não perder o seu tráfego quando o limite é atingido. Assim que indique o seu limite, você vai ver estas configurações adicionais: 3

Redirecionar para (Redirect to):  Selecionar uma oferta para redirecionar o tráfego.

Fuso Horário (Time zone): selecione o fuso horário para o cálculo correto das estatísticas de Daily cap (limite de conversões diárias).

Criar várias ofertas para a sua campanha e classifique-as por opção de caminho!

Não se esqueça de assistir a este pequeno vídeo antes de começar!

Leave a commentYour email address won’t be published. All field marked with an * are required.